Pessoas tóxicas andam soltas por aí

dead-flower-Favim.com-614303

A atmosfera emocional tornou-se mais pesada. Desde ontem que a substância tóxica é expelida para todos os cantos da sala. Entretanto, por azar, a maior parte caiu em cima de mim.

O desafio? Sobreviver o temperamento negativo alheio. Enfim, resolvi abrir o livro “Como identificar substâncias tóxicas” para ampliar a minha consciência. Encontrei produtos de uso doméstico, alimentares, industriais,plantas, drogas e medicamentos.

Não encontrei pessoas.

Li o livro mais uma vez. Nada. Estaria eu a inventar coisas? Creio que não…mas, por via das dúvidas, aproximei-me do líquido pesado cuspido no chão. Recolhi, coloquei num saquinho de plástico, e levei para o laboratório. Devo sublinhar que em qualquer lugar fora daquela sala circulava um ar era puro, leve e fresco.

Fechei a noite e abri o dia no laboratório estudando, observando e anotando.

Obtive a seguinte conclusão:

“A substância frustração é constituída por um elevado grau de criticismo, energia nervosa, tristeza, insegurança, manipulação e drama. Daí o seu aspecto pesado. Quem carrega consigo o líquido venenoso para atacar os outros tem uma instabilidade emocional. Precisa de ajuda. Pois, os seus comportamentos são tóxicos”.

Confirmei o que eu já desconfiava: pessoas tóxicas andam soltas por aí. Voltei para sala intoxicada mais confiante. Algumas coisas naquele ambiente podiam mudar. Uma delas dependia de mim: não engolir e nem reagir ao veneno expelido. 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s