Muda e Surda

ilustraçao denise 1

Escadas inclinadas. A visão do palco era afastada. Os burburinhos das pessoas se juntavam com as que chegavam e ocupavam lugares.  A sensação esquisita de que todos a observava fez com que Luísa andasse num ritmo apressado. Avistou, porém, algumas cabeças.

Marta, Teresa e Pe…Pedro!

“Que diabos ele está fazendo aqui?”.

Luísa não disfarçou o nervosismo que ninguém percebeu. Cumprimentou as amigas e sentou-se, no único lugar vago, ao lado de Pedro. Ficou muda. Inacreditável, como as coisas aconteciam quando ela menos esperava.

“Calma!”.

Luísa entrou em conflito consigo mesma. Queria entender o porquê da presença dele ali. Do seu lado. Tão perto. Agora. Não estava preparada.

A sensação de estar assim, sem controle dos sentidos e de como agir, se transformou em pensamentos. Pensamentos que faziam barulho. Mas, um barulho estúpido! De tão forte que era.

Luísa não conseguiu ouvir uma única palavra que vinha do palco. Ficou surda.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s