Esvaziada.

escrita

Faz um tempo que ando assim. Esvaziada. Nada, nada e nada. Dói.

Não é fácil suportar, mas é preciso.  Na minha proposta de escrita está incluído isso: confrontar o escuro, o silêncio, o completo vazio e ver se dali saem o que há de mais verdadeiro em mim. Preciso de tempo para organizar as histórias que me tocam.

Não quero e nem pretendo escrever por escrever. Cumpro a minha viagem na escrita devagarinho. Vivencio o ritmo de cada etapa. Sem fadiga. Por isso, sim, tenho demorado. Estou na travessia do escuro, do silêncio, do completo vazio até chegar às palavras.

Palavras certas para as histórias que quero contar.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s